tv   / Bastidores da TV

Paulo Vieira faz desabafo: 'Vi todos os meus projetos fracassarem'

Paulo Vieira emociona ao refletir sobre sua vida profissional: 'Me permitam reclamar'

Redação Mais Novela Publicado quinta 15 outubro, 2020

Paulo Vieira emociona ao refletir sobre sua vida profissional: 'Me permitam reclamar'
Paulo Vieira - Globo / Divulgação

O ator Paulo Vieira decidiu fazer um desabafo nas redes sociais ao refletir sobre a sua vida profissional. Em um depoimento no Twitter, ele contou que quer dar um tempo do que está vivendo e quer ir morar com um amigo que vive no circo.

“Me permitam reclamar. Ou melhor, me expressar: Ilana reclama que eu não divido meus problemas, que eu não falo dos meus sentimentos, que nunca dá pra saber como eu realmente estou por dentro. Resolvo os problemas de todo mundo, mas não quero incomodar ninguém com os meus. [...] Nos últimos meses, vi todos os meus projetos fracassarem. É muito difícil ver isso acontecer sem se culpar, principalmente, pra uma pessoa como eu que nunca esperou por nada”, disse ele.

E continuou: “Quando eu encontro um limite (algo que não depende de mim, que está além das minhas forças, algo ilógico), eu tenho muita dificuldade de parar, respirar e dizer 'é a vida'. Não é de mim se conformar e aceitar o descontrole das coisas. Meu espírito é de guerra, é cansativo”.

Paulo contou que precisa “ficar longe da zona sul, das corporações, de gente importante, de assessoria de imprensa e todas essas fantasias (necessárias, mas) que não sou eu”, desabafou.

Assim, ele pretende passar um tempo no circo de um amigo. “É um dos últimos circos que preservam a tradição e repertório de teatro circense. São peças dos anos 1890, anos 1910, 1920... Peças que não estão escritas, são aprendidas pela oralidade. Eu vou pra lá fazer essas peças. A trupe ensaia de tarde e se apresenta à noite. Eu também devo desempenhar outras funções no circo, como vender balão e maçã do amor, que deve ser meu maior talento”, afirmou.

Para finalizar seu depoimento, Paulo Vieira contou que não espera por mensagens de apoio. “É isso. Essa conversa (sem pé nem cabeça?) não tem um objetivo, mas se precisasse ter um resumo, seria: Nesses tempos de derrotas e autoestima minada, eu resolvi tocar o f*da-se, mutar a minha cabeça e fugir com o circo. E eu estou ótimo, gente. Eu sou assim meio intenso mesmo. Não vem querendo me consolar não que me dá vergonha”, concluiu.

O desabafo dele surgiu pouco antes do colunista Mauricio Stycer, do site UOL, revelar que o programa Fora de Hora - que tinha Paulo no time de talentos - foi cancelado da grade de programação da Globo.

Último acesso: 21 Oct 2020 - 07:02:46 (1061144).