Ingrid Guimarães fala da recuperação de Paulo Gustavo

Ingrid Guimarães conta sobre corrente de orações para Paulo Gustavo: 'A gente não aceita que ele não volte'

Redação Mais Novela Publicado segunda 3 maio, 2021

Ingrid Guimarães conta sobre corrente de orações para Paulo Gustavo: 'A gente não aceita que ele não volte'
Ingrid Guimarães fala de Paulo Gustavo no programa Encontro com Fátima Bernardes - Reprodução / Globo

A atriz Ingrid Guimarães ficou emocionada ao falar sobre o estado de saúde de Paulo Gustavo no programa Encontro com Fátima Bernardes, da Globo. Ela contou que os amigos estão em um grupo de orações para que o artista se recupere das complicações da Covid-19.

“A gente está vivendo em suspensão. Temos grupo de oração dos amigos dele, oramos todos os dias. A gente está na fé. A gente não aceita que ele não volte. É o brasil torcendo por uma pessoa”, disse ela, que ainda completou: “Ele é um cara que representa a alegria. Pra gente é uma tristeza (vê-lo internado)”.

Ingrid Guimarães ainda contou que Paulo Gustavo estava tomando todos os cuidados contra a Covid-19 e até ficou isolado em um sítio, mas, mesmo assim, foi contaminado. “O Paulo era um cara que estava paranóico. Ele se cuidava muito mesmo. É uma doença que te pega de surpresa. A gente nunca ia imaginar que um cara de 42 anos ia ficar grave como ele ficou”, afirmou.

Assim, a artista ainda contou que tem fé que as orações estão ajudando o amigo a se recuperar. “Uma coisa que é muito bonita é que eu tenho certeza que a oração está fazendo efeito, são orações de todas as religiões. É uma corrente. Continuem orando porque a gente tem certeza que ele vai sair dessa”, finalizou.

Paulo Gustavo foi internado no dia 13/03 com Covid-19 e precisou ser intubado no dia 22 no mesmo mês. O último boletim médico, da semana passada, informou que ele continua respirando por meio do ECMO, que é um tipo de pulmão artificial.

“Há cerca de sete dias não surgem complicações relevantes, fato que aumenta as nossas esperanças na boa recuperação do paciente. Entretanto, como em outros casos graves, ocorrem oscilações no estado geral, demandando reajustes nas medicações, na ventilação mecânica e na ECMO, o que ainda determina a vigilância constante da equipe multiprofissional. Ontem foi detectada uma nova pneumonia bacteriana, que já está sendo eficientemente tratada. Apesar disso, evidências de melhora na função pulmonar têm surgido. Em alguns momentos, o paciente mostra sinais discretos de interação com o meio, apesar do uso de sedativos”, informou o boletim. 

Último acesso: 16 May 2021 - 00:26:43 (1067529).